Nossa Abordagem para esse fator adverso

FATOR ADVERSO: Acentuada incipiência de PLANEJAMENTO EMPRESARIAL, existindo frequentemente apenas um ORÇAMENTO (Budget), apresentando basicamente projeções econômico-financeiras que não possuem uma correlação clara e objetiva com as realizações físicas pretendidas e sem que exista uma integração entre um Planejamento Estratégico e seu rebatimento a nível Tático e Operacional.

Temos observado, com muita frequência, UMA ACENTUADA INCIPIÊNCIA EM PLANEJAMENTO em empresas e instituições que atuam no Brasil.

Acreditamos que tenha até mesmo ocorrido uma INVOLUÇÃO neste terreno, na medida em que os GOVERNOS eliminaram muitas agências que se dedicavam anteriormente a planejamento, ocasionando a dispersão de equipes qualificadas, o mesmo tendo ocorrido nas grandes estatais.

Esse ambiente governamental “de pouco planejamento” acabou influenciando o que passou a ocorrer nas empresas e instituições privadas, até mesmo porque parte expressiva delas tem nos três níveis de governo muitos de seus clientes.

Os reflexos dessa situação provocaram evidentemente efeitos muito desfavoráveis na qualidade de gestão e de governança, pois é muito difícil gerir algo que não tenha um plano como referência.

Deste modo, temos constado existir em grande de instituições apenas o que se denomina de “budget”, ou seja, apenas uma projeção de receitas e de custos e despesas expressos em valores financeiros, sem que exista uma clara vinculação desses com as realizações físicas pretendidas.


Essa situação inclusive prejudica acentuadamente a existência de um “diálogo estruturado” entre um CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO e uma DIRETORIA EXECUTIVA, na medida em que esses dois fóruns deveriam utilizar um PROCESSO DE PLANEJAMENTO E ACOMPANHAMENTO como o seu principal elemento de comunicação, tal como ilustrado abaixo: 

Para o equacionamento deste muito importante fator adverso, preconizamos a adoção de um PROCESSO DE PLANEJAMENTO CORPORATIVO, caracterizado em suas linhas gerais através do diagrama apresentado ao lado:

Processo de Planejamen to corporativo
Plano de Negócios

Para o detalhamento deste PLANEJAMENTO CORPORATIVO, preconizamos a adoção de um PLANO DE NEGÓCIOS e de um elenco decorrente e articulados de PLANOS ESPECIALIZADOS, tal como ilustrado ao lado:

Evidentemente esse PROCESSO DE PLANEJAMENTO CORPORATIVO pode ser em muito reforçado, caso as DIRETRIZES PARA O PLANEJAMENTO TÁTICO (idealmente emitidas por um CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO, após a conclusão de um “diálogo estruturado” com a DIRETORIA EXECUTIVA, possam ser formuladas a partir da utilização de um MODELO ECONÔMICO-FINANCEIRO INFORMATIZADO DO NEGÓCIO DA EMPRESA OU DA INSTITUIÇÃO, tal como ilustrado no diagrama apresentado abaixo:

processo de planejamento corporativo

Entre em Contato Conosco

× Como posso te ajudar?