Nossa Abordagem para este fator adverso

FATOR ADVERSO: Colaboradores integrantes de uma organização por funções não dispondo de uma visão global do negócio da organização e consequentemente não tendo oportunidade de se desenvolverem como empreendedores internos (empregados com “olhar de dono”), além de sentirem frustrados em seus anseios de crescimento profissional e, em consequência, tendo reduzido comprometimento e até mesmo alienamento em relação aos destinos da organização.

Uma das piores consequências da adoção de uma organização por funções consiste em não permitir que os Colaboradores não disponham de uma visão global do negócio da organização e, consequentemente, não tem a oportunidade de se desenvolverem como empreendedores internos (empregados com “olhar de dono”).

Nesse sentido á frequente observar que os Colaboradores que possuam os melhores potenciais para se transformarem em empreendedores internos, tenham o anseio natural para a obtenção de uma visão mais ampla da organização, com isso frequentemente esbarrando nas fronteiras funcionais!

Para exemplificar, suponhamos que alguém que trabalhe em uma área funcional de produção se interesse por assuntos da área funcional financeira ou comercial – ele correrá um sério risco de ser escorraçado pelos titulares dessa áreas diferentes da sua, que alegarão algo como: "Isso não é de sua competência, volte para a sua “tribo”

Essa situação gera elevado nível de frustração, tão mais intensa quanto seja o nível de talento de cada Colaborador, que possuem, como qualquer ser humano, o desejo de obter crescimento profissional e de alcançar a mais elevada aspiração de qualquer ser humano, ou seja: a AUTO-REALIZAÇÃO, tal como destacado na famosa Pirâmide das Necessidades de Maslow:

piramide de maslow

Entre em Contato Conosco

× Como posso te ajudar?